Projeto Comunicar
PUC-Rio

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

Rio de Janeiro, 18 de agosto de 2022


Cultura

Começa a 15ª Primavera dos Livros

Luísa Sandes - Do Portal

26/11/2009

A Primavera dos Livros, evento literário de editoras independentes do Rio de Janeiro e de São Paulo que ocorre desde 2001, terá sua 15ª edição realizada no Palácio do Catete. O encontro, que acontece entre 25 e 29 de novembro, tem como tema a Literatura de Cordel e aproveita o centenário do poeta cearense Patativa do Assaré para homenageá-lo. Organizada pela Liga Brasileira de Editoras (Libre), a Primavera dos Livros reúne mais de 10 mil livros de 90 editoras. Serão lançadas cerca de 100 obras.

– As editoras pequenas e médias nem sempre conseguem alcançar o mercado, as grandes livrarias. Por isso, nosso objetivo é mostrar para o público o trabalho dessas editoras, afinal, nem sempre os livros de massa são os melhores. Queremos estimular a leitura – expõe Cristina Warth, presidente da Libre.

A importância da literatura de cordel, manifestação cultural nordestina, será discutida em uma mesa que conta com a participação de Marcos Lucenna, gerente do Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, a Feira de São Cristóvão, e membros da Academia Brasileira de Cordel. Haverá também shows de repentistas.

- Sempre há um homenageado, este ano será o maior repentista que o Brasil já teve. Queremos resgatar a literatura de cordel e a cultura popular – diz Cristina.

Além do carioca e do nordestino, a Primavera dos Livros ganha novos sotaques. Esta edição, a primeira cuja editoras internacionais estão presentes, recebe profissionais do Peru, Chile, Argentina, Equador, México, Guiné Bissau e Angola.

– A feira está ganhando outro caráter, ela está incorporando livros de outras culturas e idiomas – declara.

Vinte e cinco mil pessoas compareceram às edições anteriores no Rio de Janeiro e em São Paulo. Este ano, os organizadores esperam um público de sessenta mil.

– Além da divulgação mais expressiva em escolas e universidades, o local é de fácil acesso, entre a zona sul, norte e oeste e o evento é gratuito. Por isso, esperamos um público maior – explica.

Contadores de histórias e teatro fazem parte da programação infantil da Primavera dos Livros. O trabalho de educadores como Darcy Ribeiro e Anísio Teixeira e a importância do ensino da arte nas escolas são temas de debates. Nas mesas, haverá discussões a respeito do domínio espanhol no mercado literário brasileiro, o impacto das vendas europeias no Brasil e a relevância da proteção editorial nacional.

No dia 27, haverá uma programação especial para professores, que inclui, por exemplo, um debate sobre os problemas encontrados em escolas públicas. Os docentes têm desconto de até 50% na compra de livros e o público em geral de até 40%.

No próximo domingo, 29, entre 18h e 21h, a 15ª Primavera dos Livros terá a visita de 35 poetas. Eles participarão do III Festival de Poesia da Primavera dos Livros, coordenado pela Ibis Libris editora. Entre os inscritos, se destacam Karla Sabah, Ricardo Ruiz, Rosália Milsztajn, Mano Melo, Messody Benoliel, Bayard Tonelli e Pedro Lage. O festival acontecerá na tenda do Espaço Infantil, nos jardins do Museu da República, no Catete.

O evento literário tem apoio da Biblioteca Nacional, Imprensa Oficial do Estado de São Paulo e Aliança Internacional de Editoras Independentes.


Programação

Local: Palácio do Catete
Rua do Catete, 153. Catete
Dias 26 (quinta-feira), 27 (sexta-feira), 28 (sábado) e 29 (domingo) de Novembro
Horário: dia 26 às 18 horas. 27, 28 e 29 das 10h às 18h.
Entrada gratuita