Projeto Comunicar
PUC-Rio

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

Rio de Janeiro, 24 de julho de 2024


Cultura

Apaixonados pelo cinema francês se reunem às terças

Bruna Santamarina - Do Portal

18/08/2009

 Bruna Santamarina

Reunindo as quatro principais universidades do Rio de Janeiro e de Niterói, o curso Cinema Francês: a minha paixão começou nesta terça-feira, 18. Serão professores e alunos da PUC-Rio, da Universidade Federal Fluminense (UFF), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) que discutirão a história, a crítica, a estética e a teoria do cinema francês. As reuniões serão realizadas na sala 102-K, todas as terças-feiras, a partir das 14h. A representante da Embaixada da França no Brasil, Brigitte Veney afirmou que o curso é uma ótima oportunidade de diálogo. Foi ela quem escolheu o nome da disciplina – eletiva para os alunos de graduação em Cinema da PUC-Rio – por atribuir paixão aos filmes da França.

– O projeto é uma iniciativa que reúne as quatro universidades e a Embaixada, em comemoração ao ano da França no Brasil. Para nós, é importante reunir diferentes visões que o cinema francês pode ter.

Para Miguel Pereira, professor do departamento de Comunicação Social, representante da Universidade no projeto e um dos palestrantes, a multiplicidade de percepções também é uma característica positiva do curso. Segundo ele, a iniciativa é pioneira:

– O curso será fundamental para entender uma cinematografia independente, o cinema francês como inovação e testemunho de vida. Este projeto reunirá uma multiplicidade de visões, de percepções, de linhas de pensamento, de olhares. É uma oportunidade única. Os alunos entrarão em contato com professores e estudantes, de graduação e de pós-graduação, de quatro diferentes universidades.

Miguel explicou que, em cada terça-feira, um professor diferente ministrará a aula. Ele escolhe um filme de sua preferência e direciona a exposição, relacionando-o com textos. Hoje, o professor da UFF João Luiz Vieira conversou com os estudantes sobre o musical Os guarda-chuvas do amor (1964), de Jacques Démy. Os professores Erick Felinto, da UERJ, e Maurício Lissovski, da UFRJ, também participaram da abertura do curso.

– A graduação ainda tem passos para dar em relação a estudos entre universidades. O curso é uma semente para isso. Só incentiva o pensamento e a produção audiovisual, em um espírito de cooperação e troca – observa Maurício.

Professor da UERJ, Erick afirma que, cada vez mais, percebe um crescimento na linha de pesquisa em audiovisual. Para ele, o campo ainda aumentará e trará muitas alegrias aos estudantes.

Segundo Miguel Pereira, a idéia é, ao final do curso, a realização de uma atividade pelos alunos. Dependendo do resultado da produção, os trabalhos podem ser selecionados e transformados em um livro.

 

Programação

 

18/08 – João Luiz Vieira (UFF) – Os guarda-chuvas do amor (Jacques Démy, 1964)

 

25/08 – Miguel Pereira (PUC-Rio)Diário de um padre de aldeia (Robert Bresson, 1951)

 

01/09 – Aída Marques (UFF) – Seleção de fragmentos de filmes de Jean Renoir

 

08/09 – Andréa França (PUC-Rio)Chocolat (Claire Dennis, 1987)

 

15/09 – Erick Felinto (UERJ) – Les Yeux Sans Visage (Georges Franju, 1960)

 

22/09 – Fernando Morais (UFF) – Meu tio (Jacques Tati, 1958)

 

29/09 – Elianne Ivo (UFF) – Seleção de fragmentos de filmes de Eric Rohmer

 

06/10 – André Parente (UFRJ) – Alphaville (Jean-Luc Godard, 1965)

 

13/10 – Tunico Amâncio (UFF) – SOS Noronha (Georges Rouquier, 1957)

 

20/10 – José Carlos Monteiro (UFF) – A guerra acabou (Alain Resnais, 1966)

 

27/10 – Ivana Bentes (UFRJ) – Seleção de fragmentos de Histórias do Cinema (Jean-Luc Godard, 1997-98)

 

03/11 – Sílvio Tendler (PUC-Rio)Nível 5 (Chris Marker, 1997)

 

10/11 – Denilson Lopes (UFRJ) – O Intruso (Claire Dennis, 2004)

 

17/11 – Antônio Moreno (UFF) – Seleção de filmes e trechos de filmes de animação franceses. La Planète Sauvage (René Laloux, 1973)

 

24/11 – Angeluccia Habert (PUC-Rio)O Atalante (Jean Vigo, 1934)

 

01/12 – Antonio Carlos Gomes de Mattos (PUC-Rio)Sedução fatal (Julien Duviver, 1956)

 

08/12 – Luis Cláudio da Costa (UERJ) – La Camion (Marguerite Duras, 1977)