Projeto Comunicar
PUC-Rio

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

Rio de Janeiro, 19 de setembro de 2020


Campus

Morre Reinaldo Calixto de Campos, decano do CTC da PUC

Isabela Castro e Tiago Coelho - Do Portal

08/02/2012

Morreu, no fim da noite de terça-feira, o decano do Centro Técnico-Científico da PUC-Rio (CTC), Reinaldo Calixto de Campos. Aos 57 anos, o professor doutor se tratava de um câncer, mas não resistiu a complicações após passar por uma cirurgia.

Calixto era doutor em Química pela PUC-Rio e integrava o quadro de docentes desde 1977. Neste fevereiro, completou seis anos como decano do CTC. Entre seu legado está a produção de mais de 100 artigos para periódicos. Querido pelos alunos, foi homenageado sete vezes por turmas de formandos de Engenharia Química da PUC-Rio.

O reitor da PUC-Rio, padre Josafá Carlos de Siqueira, lamentou a perda: “Com espírito de fé e solidariedade, unamos nossas preces a ele e a  seus familiares. Que junto de Deus ele possa interceder por nós e a nossa instituição”.

Segundo o vice-reitor da PUC-Rio, Francisco Ivern Simó, Calixto será lembrado por sua bondade, sabedoria e espírito conciliador.

– Aprendi a respeitá-lo e admirá-lo, sobretudo pela forma serena com que encarou a doença. Tinha um tom afável, não era radical, mas sim pacificador. Não vai ser fácil substituí-lo – comentou o vice-reitor.

O vice-decano do CTC, professor Luiz da Silva Mello, também lamentou:

– A PUC e o CTC perderam um pesquisador brilhante, um educador apaixonado e uma importante liderança. Mas, acima disso, perdemos um grande amigo.

O velório será nesta quinta-feira, 9, das 10h às 15h, no Memorial do Carmo no Caju.