Projeto Comunicar
PUC-Rio

  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

Rio de Janeiro, 21 de fevereiro de 2017


Crítica de Cinema

"Chico – Artista brasileiro": um filme pleno e encantador

Miguel Pereira* - aplicativo

Para o professor e crítico Miguel Pereira, documentário de Miguel Faria Jr., mais que uma biografia, revela o que o compositor representa para a identidade brasileira.
Leia

Quartinho dos fundos sob um olhar crítico e bem-humorado

Miguel Pereira* - aplicativo

A contenção é o segredo principal do humor satírico que perpassa 'Que horas ela volta?', de Anna Muylaert, avalia o professor e crítico Miguel Pereira.
Leia

'Jia Zhangke': um documentário original e afetuoso

Miguel Pereira* - aplicativo

Walter Salles constrói um estilo próprio de narrar que respeita o tempo e o espaço do outro, ao mesmo tempo em que afirma uma identidade, analisa o crítico e professor Miguel Pereira.
Leia

Irmã Dulce: drama exemplar de uma vida santa, reta e generosa

Miguel Pereira* - aplicativo

Para o professor e crítico Miguel Pereira, cinebiografia assinada por Vicente Amorim é um filme puro como pura era a Irmã Dulce, valorizado pelo despojamento característico do diretor.
Leia

Ao revisitar o romantismo, Woody Allen dá recado reflexivo

Miguel Pereira* - aplicativo

Com interpretações excelentes e fotografia primorosa, Magia ao luar envolve e emociona com narrativa centrada em questões existenciais, afirma o professor e crítico Miguel Pereira.
Leia

Retrospectiva de Pasolini traz filmes inéditos no Brasil

Miguel Pereira* - aplicativo

Com curadoria do professor da PUC-Rio Flávio Kactus, mostra faz, até de 10 de novembro, no CBBB, um mergulho na obra do italiano. Entre os inéditos, Miguel Pereira destaca a atualidade de Locações na Palestina, rodado em 1963.
Leia

Ancoragem nos tempos atuais é um dos méritos de "Getúlio"

*Miguel Pereira - aplicativo

Para Miguel Pereira, boas interpretações, sobretudo de Tony Ramos, fotografia exemplar de Walter Carvalho, visão livre dos fatos históricos e significado atual realçam filme de João Jardim.
Leia

A grande beleza: 'A doce vida' segundo Paolo Sorrentino

Kaio Caiazzo* - Da sala de aula

  Vencedora do Oscar de Filme Estrangeiro, obra pode ser encarada como grande celebração ao Cinema Italiano, avalia Kaio Caiazzo, aluno de Teoria e Crítica Cinematográfica.
Leia

"O gebo e a sombra": o grande minimalismo de Oliveira

Miguel Pereira* - aplicativo

Estilo do cineasta português é reavivado no novo filme, cuja composição de ações minimalistas revela "apuro pictórico" que espelha a atmosfera pesada do drama dos personagens, observa Miguel Pereira.
Leia

"A Grande Beleza": o efêmero e o clássico

Miguel Pereira*

Professor e crítico Miguel Pereira analisa o vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro, que para ele, é uma marca do cinema contemporâneo.
Leia

A juventude, os advogados e o fotógrafo no prêmio da CNBB

Miguel Pereira* - aplicativo

Professor e crítico Miguel Pereira analisa os pontos em comum entre os três documentários escolhidos para o prêmio Margarida de Prata da CNBB.
Leia

'Rio de fé': encontro contagiante e sincero com Papa Francisco

Miguel Pereira* - aplicativo

Para o crítico Miguel Pereira, filme de Carlos Diegues realizado durante a JMJ expressa a fé e retrata a juventude da esperança, o que nos faz crer que ainda é possível mudar o mundo para melhor.
Leia

"Morro dos Prazeres": retrato sóbrio pós-UPP

Miguel Pereira* - aplicativo

Documentário expõe transição de "um estado de coisas que nos deixam apreensivos".
Leia

"Trem noturno para Lisboa" faz acerto de contas com a história

Miguel Pereira* - aplicativo

Filme de Bille August segue "a trama canônica de uma investigação pessoal cujo mistério se revela ao longo do relato", sintetiza Miguel Pereira. Uma reflexão sobre a construção da história e suas fragilidades discursivas.
Leia

"Lore": rito de passagem confrontado com o desumano

Miguel Pereira*

Miguel Pereira: "Ao afirmar a dignidade de Lore e sua trágica aventura, Cate Shortland nos leva à reflexão do nosso destino num mundo em rápida transformação".
Leia

"O estranho caso de Angélica": um testamento estético

Miguel Pereira*

Ao narrar o percurso do fotógrafo apaixonado pela jovem de quem fez o último retrato, Manoel de Oliveira faz uma reflexão sobre o mundo em que queremos viver, observa Miguel Pereira.
Leia

Relações à deriva no surpreendente "Blue Jasmine"

Miguel Pereira*

Para o crítico e professor Miguel Pereira, filme de Woody Allen mostra a tragédia do perverso sistema de valores que embasa as relações humanas.
Leia

"Sobral Pinto, o homem que não tinha preço": reflexivo e atual

Miguel Pereira*

Documentário de Paula Fiúza, neta de Sobral, expõe as feições pública, privada e humana do jurista, que, "em algumas cenas, é uma figura chapliniada", avalia Miguel Pereira.
Leia

'Gravidade': um olhar sobre o mito da criação

Miguel Pereira*

Mesmo sem contestações de especialistas, filme de Alfonso Cuarón apresenta inquietações e questões sobre a existência do mundo que fazem pensar, avalia Miguel Pereira.
Leia

"Corda bamba": um drama infantil que encanta

Miguel Pereira* - aplicativo

Ao narrar as aventuras de uma menina equilibrista, filme de Eduardo Goldenste busca entender o mundo da criança como lugar próprio. Raro cinema infanto-juvenil feito com talento, avalia Miguel Pereira.
Leia

"O tempo e o vento": eficiência narrativa marca nova versão

Miguel Pereira* - aplicativo

Com apuro estético e procedimentos narrativos ousados, filme de Jayme Monjardim busca excelência não alcançada por outras adaptações do romance épico, observa Miguel Pereira.
Leia

Cenas mirabolantes e retóricas da violência em 'A família'

Miguel Pereira* - aplicativo - Do Portal

Para Miguel Pereira, filme de Luc Besson com Robert De Niro e Michele Pfeiffer diverte, apesar de não ir a fundo nas questões de que trata.
Leia

"Graça" mergulha na descoberta da adolescência

Jana Sampaio - aplicativo - Do Portal

Curta de Anna Clara Peltier, que estreia no Festival do Rio, aborda com delicadeza a busca do autoconhecimento. Personagem-título é uma atleta de nado sincronizado afundada em inquietações.
Leia

"Eu, Anna": artificialismo inibe drama psicológico

* Miguel Pereira - aplicativo

Primeio longa de Barnaby Southcombe fica longe do cinema de Hitchcock, embora o quisesse homenagear. Jogo das aparências não sustenta o suspense, avalia Miguel Pereira. 
Leia

"Francis Ha" retrata desencanto de jovens em mutação

Miguel Pereira* - aplicativo

Ao naturalizar as relações amorosas e cotidianas como mutantes e efêmeras, o inquietante filme de Noah Baubach põe personagens numa "perspectiva existencialista fechada e um tanto fora de moda", avalia Miguel Pereira   
Leia

Sofia Coppola traça retrato da juventude sem rumo

Miguel Pereira* - aplicativo

Bling Ring: A gangue de Hollywood expõe o fruir efêmero e sucessivo que exila valores tradicionais. Um desconcertante painel crítico da vida contemporânea, avalia Miguel Pereira. 
Leia

Como a experiência da arte se reflete nas periferias

Miguel Pereira* - aplicativo - Do Portal

Para Miguel Pereira, A alma da gente propõe reflexão importante ao revisitar projeto de dança no Complexo da Maré dez anos depois, para mostrar o que aconteceu com dançarinos.
Leia

"Apenas o vento": um grito contra os massacres no mundo

Miguel Pereira* - aplicativo

Bence Fliegauf faz libelo contra limpeza étnica empreendida por grupos radicais na Hungria. "Vale não só pela denúncia das ações de extermínio, mas pela fatura criativa", avalia Miguel Pereira.
Leia

Metáfora da vida dos mais frágeis que nos ensinam tanto

Miguel Pereira* - aplicativo

Camille Claudel, 1915, filme de Bruno Dumont, apresenta possibilidades para se sentir e entender a talentosa escultora francesa que viveu martírio em asilo de loucos.
Leia

"Amor pleno": uma investigação poética da vida amorosa

Miguel Pereira* - aplicativo

Para Miguel Pereira, narrativa de imagens, sons e interpretações no novo filme de Malick forma, a partir de inspiração bíblica, caminho para reconstrução "mundo de sentimentos mutantes".
Leia